Cultura e CCLA promovem o “VII Concurso Estímulo para Cantores Líricos”

A Secretaria Municipal de Cultura e o Centro de Ciência Letras e Artes de Campinas (CCLA) promovem o VII Concurso Estímulo para Cantores Líricos. As inscrições estão abertas e seguem até o dia 19 de setembro.

Foto:  Martinho Caires

Foto: Martinho Caires

Os requisitos para participar são: ser estudante de escola de música em território nacional ou ser profissional em canto, ser brasileiro, ter de 18 a 35 anos de idade. As inscrições devem ser feitas das 9h às 12h e das 14h às 16h30 no Centro de Ciências, Letras e Artes (CCLA), na rua Bernardino de Campos, 989, centro, Campinas.

Os documentos, os materiais e a ficha de inscrição deverão ser entregues diretamente na sede do CCLA. A ficha de inscrição e mais detalhes estão disponíveis no link: http://www.campinas.sp.gov.br/uploads/pdf/517559783.pdf.

O concurso entregará três prêmios no valor de R$ 4.000,00 cada, para os vencedores de Melhor Intérprete da Obra de Antônio Carlos Gomes, Melhor Voz Masculina e Melhor Voz Feminina. Também serão premiados, com um valor individual de R$ 1.000,00, o Melhor Intérprete de Canção de Câmara de Carlos Gomes e a Jovem Voz Revelação.

O concurso será constituído de três etapas. A primeira, de pré-seleção, será realizada até o dia 23 de setembro, período em que serão avaliados os CDs e DVDs entregues pelos candidatos junto à ficha de inscrição. A segunda etapa será de caráter eliminatório. Os candidatos serão distribuídos em dois grupos e testados em audições, nos dias 28 e 29 de setembro (domingo e segunda-feira). A terceira etapa, que é aberta ao público, será no dia 30 de setembro, quando os candidatos apresentam as peças diante do júri.

LINK DA NOTÍCIA: http://www.campinas.sp.gov.br/noticias-integra.php?id=24103



O CCLA - Centro de Ciências, Letras e Artes é uma entidade cultural particular e sem fins lucrativos fundada em 31 de outubro de 1901, na cidade de Campinas/SP, por um grupo de cientistas, artistas e intelectuais que decidiram criar uma instituição em que se pudessem reunir para o estudo e a produção de atividades científicas e artísticas.